Dead like me

Comecei a ver a série Dead Like Me. Acho que está de acordo com o corrente estado de espírito.

Para quem não conhece, acho que é seguro dizer que se gosta desta série se se gostou do Six Feet Under. Os personagens parecem ser ligeiramente menos perturbados (apesar de mortos) e a piada está toda na ideia de que nem depois de morrer uma pessoa se livra de ter um trabalho chato porque precisa de comer e pagar renda.

Adoro o genérico inicial e a série acaba por ser mais divertida do que mórbida e, tal como o Six Feet Under, tem diversas cenas de ‘como é que este tipo vai morrer?’ Ainda só vi 5 episódios mas recomendo. A primeira série está à venda na Fnac, para os eventuais interessados.

Também comecei ontem a ver o DVD Fade to Red da Tori Amos, que encomendei de Inglaterra porque estava farta de procurar cá e nunca vi à venda. Até é capaz de existir mas deve estar muito bem escondido.

É apenas uma colecção dos vídeos mas tem pelo menos um que nunca tinha visto e comentários em todos. Acho um bocado estranho a Tori falar de si própria na terceira pessoa. Compreendo que está a falar da personagem do vídeo, da história, a quem por acaso chama Tori, mas não deixa de ser estranho. Mas gostei de rever os vídeos do Little Earthquakes que sempre foram os meus preferidos.

Aquelas músicas continuam a dar-me um nó no estômago. A música que ouvimos numa determinada época fica intimamente ligada a certas recordações que emergem quando voltamos a ouvir essa música e a Tori faz-me lembrar cantar o Song for Eric no último piso da Faculdade de Belas Artes que tinha um recanto com uma acústica fabulosa. Foi nessa época que tive uma ou duas audições para cantar em bandas e ainda cheguei a ir ensaiar umas quantas vezes mas acabei por desistir porque eles insistiam em fumar dentro do estúdio e ficava com a garganta lixada – mais uma vez os fumadores. Mas serviu para pegar mais a sério nas músicas, algo que até hoje continuo a adorar fazer.

Entretanto as minhas gatinhas mais novas andam completamente psycho-kitty ao ponto de já terem esfolado um ouriço de brincar. Andam pela casa com o pelo do boneco na boca muito felizes. Ainda bem que não tenho um jardim senão imagino os bichos mortos que ia ter pela casa.

5 Comment

  1. Dee já conheço essa série há vários anos, tem um humor negro muito forte, é uma série de culto. Recomendo-te também a The Dead Zone, apesar de ser uma temática diferente, está à venda na amazon alemâ com legendas nacionais e a um preço bom

  2. Ainda não tenho o dvd da tori, mas já estive com ele na mão numa Fnac (it’s sad being broke e ter que não o trazer). A Tori quer-me levar à falência, é a bootleg collection, é o dvd dos vídeos, é o pricey A Piano: The Collection… E um novo album que ela acabou de gravar! 🙂

  3. Quanto às gatas… Same here!
    E eu vou ter um jardim daqui a 1 mês! Vai ser lindo!

  4. A bootleg collection também não tenho ainda. E só comprei o DVD porque vou precisar de uma prenda para uma amiga e já agora encomendei uma cópia para mim também 🙂
    Ainda por cima estava mais barato na sendit.com do que na listagem do site da FNAC.

  5. ComentadordeServiço says: Responder

    Oi Dee! Vai ao cinema com o Pedro ou com a alguma amiga ver THE LAKE HOUSE, penso que aqui em Portugal traduziram para a Casa da Lagoa ou na Lagoa. keep the good work! besitos!

Deixe uma resposta