Demasiado optimista

Prece que fui demasiado optimista relativamente às obras: agora não temos água quente na casa de banho.

Depois de muito procurar e conversando com o Fernando que percebe destas coisas, o Pedro chegou à conclusão que o problema era da torneira da banheira que tem uma válvula anti-retorno que deve estar suja ou avariada e está a deixar passar água fria para o cano da água quente. O que não é de espantar porque a torneira esteve a apanhar toneladas de pó dos azulejos durante quase uma semana por isso o espanto seria se funcionasse.

Por isso esta noite, em vez de jantar e descontrair um bocadinho, o Pedro foi para a casa de banho às 11.30 da noite desmontar a torneira e ver se funciona só limpando ou se ainda vai ser preciso comprar peças.

Tudo isto porque neste momento quase que preferimos saltar da janela a ter que voltar a chamar o canalizador.

Antes da saga da torneira fomos terminar as compras de Natal e até nem nos safámos mal. Voltámos com um Tiago cheio de fome e sono que comeu a sopinha toda sem grande fita, tal era a fome, e adormeceu num instante. Foi exactamente no meio dessas duas coisas, quando lhe fomos tentar dar banho na banheira nova, que demos pelo problema porque a água não estava a aquecer.

Vamos ver como é que isto acaba. Neste momento não quero ter de pensar mais nisso.

1 Comment

  1. que saga!! a arte de bem trabalhar de facto está um pouco perdida neste país em certas áreas, infelizmente!!

    queria-te/vos deixar os meus votos de um Natal maravilhoso, pleno de paz, tranquilidade e felicidade, que isso transborde para um Novo Ano que te/vos traga tudo de bom.

    beijos para os 3, ana

Deixe uma resposta