Semana infernal

Depois de termos começado a semana a fechar o buraco da parede da cozinha a coisa só piorou. Confirmámos que os gases do esquentador dos vizinhos de cima estão efectivamente a vir para a nossa cozinha. Fomos avisar os vizinhos que obviamente disseram que a responsabilidade é do senhorio e que continuam a usar o esquentador mas, felizmente, com menor regularidade. Ligámos para o senhorio que foi no dia seguinte falar com o homem que fez as obras mas este recusou-se a vir ver o que se passava e até a admitir que se poderia passar alguma coisa de errado que não seja a chaminé estar entupida. Ora, é bastante óbvio que a chaminé está obstruida mas também é uma coincidencia muito grande isso começar a acontecer exactamente no dia em que os vizinhos de cima começaram a usar o esquentador deles.

Ligámos para os administradores do prédio que mandaram cá técnicos para tentar descobrir o que se passava, mas como nãoi estava ninguém no andar de cima e o acesso ao telhado é feito por dentro de um dos apartamentos do 10º andar onde também não estava ninguém, foram-se embora sem resolver nada concordando porém que a responsabilidade deve ser do andar de cima.

O administrador ficou de contactar o senhorio para que este tente resolver o problema. Vamos ver agora quanto tempo isso vai demorar.

Sendo por esta altura sexta feira à tarde, lá ficámos nós com gases potencialmente mortais a entrar-nos pela casa até pelo menos à próxima terça feira.

O Pedro estava em grande stress com esta situação e não conseguia ficar quietinho por isso resolvemos resolver a questão da montagem do esquentador para podermos pelo menos voltar a tomar banho.

Durante o fim de semana estivemos a pintar a cozinha para podermos voltar a montar o armário do exaustor. No sábado pintámos a primeira camada e acabámos ontem durante a curta sesta do Tiago.

Infelizmente não podemos voltar a ligar o tubo do exaustor porque senão descem por ali os gases do esquentador – o nosso e o dos vizinhos.

Para piorar as coisas a casa de baixo continua em obras e nunca mais acabam de partir.

Pelo meio disto tudo estamos todos doentes – nariz entupido, tosse, dores musculares, tanto da constipação como do esforço físico de arranjar a cozinha. O Tiago está com uma tosse horrível que não o deixa dormir, nem a nós por arrasto.

Ontem à noite iamos ao jantar de aniversário da Marta mas tivemos que vir embora antes sequer de comer porque o Tiago começou a ficar com febre. Ainda lhe conseguimos dar um bocado de fruta e leite antes de o meter na cama mas anda outra vez a comer muito mal.

Um dos gatos também ficou doente. O Pedro levou hoje o Jones ao vet e parece que tem cistite e precisa de ser medicado durante uns dias. Teve de ser sedado para se conseguir examinar e ainda está um bocado zonzo mas vamos ver se fica bom.

No meio disto tudo estou a tentar não desanimar mas sinto-me muito cansada, desconfortável, tenho as mãos ásperas e secas e preciso urgentemente de férias.

Deixar uma resposta