Mais uma noite em branco

Ontem fiquei muito satisfeita porque o Tiago (depois de aonseguir que largasse a tv) esteve a brincar comigo muito entretido e sem fitas, jantou muito bem e, depois de uns 10 minutos de colinhos e outros 15 de protesto, mas sem aquele choro histérico da noite anterior, adormeceu e ficou.

Infelizmente não durou muito. O Tiago acordou às duas e meia da manhã, chorou meia hora com mais 15 minutos de resmungos antes de adormecer novamente.

Em vez de ficar muito feliz e voltar a dormir, cometi o erro de ir ao quarto dele espreitar porque ainda estamos com a paranoia causada pelo vómito noturno da semana passada. É claro que assim que me aproximei da cama ele abriu oos olhos e começou a por-se de pé.

Acabei por ter de ficar com ele ao colo mais um bocado mas ele não parecia interessado em dormir, sempre com os olhos bem abertos. Voltei a mete-lo na cama onde ficou a berrar novamente porque queria continuar ao colo. Entretanto eram 4 da manhã.

Como não valia a pena fazer de conta que ia dormir, fui para a sala dobrar roupa e ver o Conan O’Brien até ele se acalmar. Às quatro e meia, quando tive a certeza que ele já estava a dormir, voltei para a cama.

Às seis voltou a acordar. Desta vez adormeceu mais depressa mas eu nem por isso. Às sete acordou de vez. Fui buscá-lo, dei-lhe o pequeno almoço e ele parecia todo acordado e bem disposto. Pelo menos até à hora de vestir o casaco para ir para a escola.

Foi a berrar o caminho todo. Passei por imensas pessoas a olhar para mim como se estivesse a torturar a criança mas mesmo que tivesse inclinação para tal já sei que não vale a pena explicar que falar com ele ou tocar-lhe só faz com que redobre a intensidade da berraria. Tentei algumas vezes sem qualquer sucesso e desisti.

Na escola voltou à birra do costume mas pelo menos desta vez deixou-me calçar os sapatos. Pedia colo mas depois não queria que lhe pegasse porque o colo costuma implicar passá-lo à educadora.

Enfim. Sinto-me horrivelmente mal hoje. O meu instinto protector diz-me que ele devia ter ficado em casa mas sei que não ia dormir mais que ia passar o dia todo a fazer birra e que ficar com ele em casa só porque sim atrasa cada vez mais a readaptação que ele precisa de fazer à escola neste momento. Estou cheia de sono mas tenho coisas para fazer, entre elas o bolo para levar para a creche amanhã, e já sei que não vou descansar nada durante o dia.

Não há dúvida que os terrible twos estão a começar bem.

1 Comment

  1. ui, ui, ui…
    é mesmo terrivel!
    os gaijos são tramados, e parece que aprendem todos na mesma escola.

    ***

Deixe uma resposta