Todos doentes

Na noite de quinta para sexta o Tiago voltou a vomitar, por volta da meia noite. Foi preciso dar-lhe banho outra vez, mudar os lençois, etc. Fun for all the family.

Pouco depois, às 4 da manhã, foi a vez do Pedro. Eu acordei poe essa altura e também não me sentia muito bem. Achei que tinha fome mas assim que meti a primeira colherada na boca fui deitar tudo fora. Tinha ainda o jantar por digerir.

Concluimos então que é de facto um virus e que desta vez nos chegou a todos. O resto da noite foi um tormento e o dia seguinte não foi melhor.

A pior parte de estarmos todos doentes é que não há ninguém para tomar conta do Tiago enquanto o outro tem o ‘luxo’ de ficar na cama a pensar que preferia morrer a ter de correr para a casa de banho outra vez. Fomos fazendo os possíveis para alimentar, vestir e tratar das necessidadas práticas do miúdo mas não estavamos em condições de andar a brincar com ele pelo que teve de se entreter sozinho, alternando entre ver televisão e levar uns carrinhos para a nossa cama.

Como também se sentia mal e tinha dormido quase tanto como nós, dormiu uma sesta de 5 horas, que foi óptimo porque também deu para descansarmos um bocadinho.

Ontem já nos sentiamos melhor e, estando fartos de estar fechados em casa, atrevemo-nos a sair um bocado. Não correu muito bem. O Tiago fez uma birra de sono, perdeu o ursinho na Toys’r’us e tivemos que lhe comprar um novo porque ele não dorme sem aquilo. Ainda andei à procura e a perguntar se alguém tinha entregue o boneco na loja ou no atendimento a clientes mas não. Espero que estivesse devidamente infectado com o vírus e que quem o levou tenha uma semana de merda para aprender a não roubar os brinquedos de uma criança.

Quando chegámos a casa o Tiago estava com tanto sono que nem conseguiu comer e foi directo para a cama. Eu estava com mais apetite por isso fomos almoçar até tocar o telefone. De repente lembrei-me ‘oh não! Tinha um workshop às 2!’ Eram 2.30. Pedi desculpas e fui a correr. Nunca me esqueço destas coisas mas os últimos dias foram tão estranhos que nem me lembrei de ir ver o calendário, a agenda ou fosse o que fosse. Acho que precisava de ter escrito no interior da sanita para me lembrar de tal coisa. Cheguei já perto das 3 e correu tudo bem mas o esforço de falar durante duas horas deixou-me ainda mais em baixo. É que em cima disto tudo parece que estou a ficar constipada também.

Apesar do Tiago já não ter vomitado mais, ontem à noite começou com diarreia. Acordou a queixar-se a meio da noite, provavelmente com cólicas, e acabei novamente no quarto dele às quatro e meia da manhã a tentar adormece-lo. Hoje parece que está outra vez pior e já não sei o que fazer.

Uma coisa boa é que descobri que o Tiago já se tapa sozinho quando tem frio durante a noite, o que é um alívio porque quando entro no quarto para o tapar ele acorda. É menos uma preocupação.

Hoje estou outra vez enjoada e o Pedro com cólicas por isso receio que ainda demore um dia ou dois até isto passar de vez.

Deixe uma resposta