Grávida

Depois de uns meses a fazer tratamento hormonal para ver se punha tudo no sítio outra vez, estava convencida que não estava a funcionar até começar a reparar em certas mudanças, tais como pele e cabelo mais oleosos, uma grande soneira, muito menos energia e finalmente, esta semana, o início das nauseas. Já sabia mas andei a adiar o teste. Acho que queria fazer de conta que não era nada durante mas uns dias.

Hoje o Pedro fartou-se de esperar e foi comprar um teste de gravidez. É um daqueles que é suposto demorar 5 minutos mas foi quase imediato, não deixando margem para dúvidas. Para estar com enjoos já devo estar pelo menos no segundo mês, por isso o nível da hormona deve ser altíssimo.

E pronto. Começa tudo de novo – as análises mensais, consultas, ecografias, tentar reaver algumas das coisas de bebé que fui distribuindo à medida que não precisava, mais uns dias desagradáveis no hospital e mais dois anos de fraldas. Vou ficar deprimida porque vou engordar outra vez, vou deixar de dormir e vai ser tudo muito mais difícil porque já temos o Tiago. Provavelmente temos que arranjar uma casa maior, etc, etc. É impossível não começar logo a fazer planos e a stressar com tudo isto.

Por outro lado, porque já tenho o Tiago e tudo correu bem com ele, acho que vou ter muito menos ansiedade do que na gravidez anterior. Acho que se correr alguma coisa mal não vai ser tão horrível como foi da primeira vez.

E é bom saber que o Tiago vai ter um mano com quem brincar (estou convencida que vai ser outro rapaz apesar que estar desejosa que saia uma menina, para variar).

Acho que ainda estou um bocado em choque mas aconteceu aquilo que já estava à espera: assim que se confirma que já não há nada a fazer, acabam-se as dúvidas. O difícil é tomar as decisões. Quando deixa de depender de mim é muito fácil adaptar-me à realidade e fazer o que é preciso.

Portanto, estou grávida outra vez. Oh boy!

18 Comment

  1. Parabéns e que corra tudo bem 🙂

  2. Parabéns!!

    E será Oh boy ou Oh girl 😉

  3. Oh, que boa notícia.

    Um beijinho grande para todos.
    Joana

  4. Parabéns!!!! Sigo o seu blog há bastante tempo e adorei a novidade. Tenho um menino com dois anos e também penso muitas vezes em lhe dar um irmão. Mas as dúvidas, as incertezas, o voltar a engordar (20kg como da primeira gravidez 🙁 ), também me assustam. Vamos ver quando terei coragem para avançar!
    Mais uma vez muuuuiitttttttttooooos parabéns!

  5. Parabéns, que boa notícia para começar a segunda-feira! Acabei de ver no blog do Pedro e desejo tudo de bom aos dois!
    Eu queria ver como seria com uma menina, mas acho que os dois tem perfil de pais de menino!!!

    Boa sorte e tudo de bom. Se precisar de qualquer coisa, é só falar.

    Beijocas e que sejam 9 felizes meses 😉

  6. Eis que uma nova jornada se enceta…shall be rooting for you two as always!!!!

    Beijocas, ana

  7. Antes de mais, muitos Parabéns!!!!
    Desejo te a melhor gravidez possivel, e o Tiago vai ter um mano/a o que é optimo :))))

    Nem de propósito, eu vim aqui procurar o teu email, para te enviar um e vejo logo uma noticia destas, foi uma noticia mesmo feliz.
    O que te quero pedir, envio te por email.

    Beijinho grande

  8. Eu adorava estar de novo assim (seria a minha terceira gravidez, ou a quarta se contar com aquela que acabou em aborto espontâneo ainda no início). Boa sorte.

    Venho falar-te de duas petições que tenho online:

    A primeira petição pretende que, em caso de separação, a guarda dos filhos seja confiada à mãe, excepto os casos em que esta não tenha, comprovadamente, capacidades nem o MÍNIMO de condições, ou a criança expresse uma vontade contrária. Está em http://www.peticaopublica.com/?pi=P2009N575

    A segunda pede que se criem melhores condições nos espaços públicos, atendendo às reais necessidades de toda a pessoa deficiente, pois que, como cidadão comum, deverá gozar dos mesmos direitos. Está em http://www.peticaopublica.com/?pi=P2009N134

    Desde já agradeço a sua atenção.

  9. Que entusiasmada que tu estás…

    Parabéns! 😀

  10. Dee: Fico muito contente por vós! Estou sempre deste lado, mesmo quando em silêncio.

  11. Muito obrigada a todos.

    Eu fico sempre um bocado dividida porque não sou capaz de ver só as partes boas – era tão bom que fosse tudo cor de rosa! – e acabo por falar mais do que me preocupa do que ter um momento YAY! Mas antes de ter a confirmação que estava grávida já andava a comer saladinha e fruta todos os dias e não deixava o Tiago ou os gatos saltar na minha barriga, portanto já tinha entrado em modo protector. O instinto é tudo 🙂

  12. Parabéns! 🙂

    Gostaria de fazer um pedido que nada tem a ver com o post (se possível):

    – podia fazer um update sobre como estão a correr as sessões de depilação a laser e qual tem sido o resultado até agora? Se recomenda ou não…

    Gosto, aliás prefiro, ouvir sempre os testemunhos pessoais.

    ******

  13. Parabéns! Fui mãe há cerca de dois meses e apesar de pensar já em dar um mano ou mana à minha filhota, os receios, as duvidas e o pânico de voltar a “sacrificar” tanta coisa durante tanto tempo também dão comigo em doida! A maternidade é linda mas convenhamos que há uma grande dose de auto-anulação durante muito tempo e para isso temos de ter muito estomago (literalmente!!). Vai correr tudo bem ;o)!

  14. Ana: agora parei com a depilação por causa da gravidez – na verdade parei há dois meses quando o Tiago ficou doente no dia em que devia ter ido à última sessão das pernas.
    De qualquer forma, posso dizer que estou muito satisfeita com os resultados e que nas pernas, o sítio onde fiz 6 das 7 sessões recomendadas, não tenho quase pelos nenhuns. Nas virilhas, onde fiz apenas 5 sessões ainda tenho alguns mas nada que se compare, tanto em quantidade como em grossura.
    Nas outras zonas, onde não cheguei a fazer número de sessões suficientes é que não noto grande diferença por isso parece ser importante cumprir o número de sessões e o intervalo correcto entre as mesmas para obter um bom resultado.

    Devo dizer porém que nas pernas notei que funcionou muito melhor do joelho para baixo do que para cima. Ou seja, parece haver zonas que respondem melhor que outras.

  15. Olá Dee;

    muito obrigada pela resposta. Estava seriamente a contemplar fazê-lo (as soon as I have the $$) e gosto sempre de ouvir a opinião de quem já fez. É muito mais honesta, penso, do que lermos os testemunhos de quem vende o produto.

  16. Muitos parabéns pelo novo rebento que vem a caminho! 🙂

Deixe uma resposta