It’s a girl!

Depois de uma semana à espera desde o resultado das análises, lá fui finalmente ao hospital fazer a amniocentese. Nunca temos de ir de carro a lado nenhum mas por azar, precisamente no dia em que precisamos de estar a horas no hospital, aconteceu uma acidente na ponte, daqueles com montes de carros, e a cidade estava toda entupida.

Como iamos com bastante antecedência acabámos por chegar perfeitamente a horas. Depois de me fartar de esperar pelos elevadores que não pareciam estar a funcionar acabei por subir as escadas até ao quinto piso onde o Pedro já esperava por mim depois de ter ido estacionar o carro. Nem cheguei a sentar-me na sala de espera – fui à casa de banho e quando saí já tinham dito ao Pedro para entrarmos para a sala assim que os presentes ocupantes saíssem.

Tal como me lembrava, a amniocentese não custou nada. Acho que da outra vez me tinham dado uma pequena anestesia local e desta vez não mas não fez grande diferença. Sente-se mais pressão da agulha do que propriamente dor e só senti um ardor depois da agulha ser retirada e não durante o processo.

Fiquei tembém a saber que vou ter uma menina. Pelo menos as pessoas podem parar de perguntar o tempo todo 🙂

Depois deram-me a vacina por causa do grupo sanguíneo (por ser RH negativo) e saí de lá menos de meia hora depois de ter chegado.

Passei dois dias deitadinha para ter a certeza que não havia contracções nem perda de líquido e teria sido uma seca brutal se o meu irmão não me tivesse trazido no sábado anterior a colecção completa dos livros da Sookie Stackhouse (livros que deram origem à série True Blood, escritos por Charlaine Harris). São um misto de sobrenatural e grandes doses de sexo e violencia  com algum humor e têm-me mantido entretida. Estava sem nada para ler há algum tempo e depois de reler os livros da Jane Austen e um ou dois do Terry Pratchett já não sabia bem no que pegar a seguir.

É claro que pelo meio tive que tratar de umas encomendas que o Pedro teve que ir enviar por mim, mas fora isso tive muito cuidadinho e acho que de facto o repouso faz muita diferença naqueles dias porque quando passava um bocado mais de tempo em pé ou sentada começava a sentir umas picadas ou desconforto que não sinto normalmente.

3 Comment

  1. Congratulations!!!

    E que tudo continue a correr bem.

    Bjinhos

  2. parabéns 😀

  3. Muitos parabéns! Fico muito feliz por ti! Que continue a correr tudo bem, é o que desejo.
    Bj

Deixe uma resposta