Férias

Estamos de férias até ao final da semana, mas como é costume, as férias acabam por ser mais cansativas do que os dias normais.

Temos andado a comprar os materiais que faltavam, nomeadamente sanitários e electrodomésticos, para além de uma série de coisas relacionadas com a gravidez.

Primeiro foi a ecografia do terceiro trimestre. Assim que entramos em modo de férias eu começo a esquecer-me de coisas que estão planeadas há semanas e estavamos a preparar-nos para ir à praia quando me lembrei da eco. Como já tinhamos falado em praia ao Tiago, acabámos por ir à mesmas mas só por uma horinha. Felizmente a minha mãe tinha tirado o dia de férias e pode vir cá fazer babysitting enquanto fomos à eco porque seria impossível conseguir que o Tiago ficasse queitinho durante tanto tempo. De volta a casa passámos na ‘obra’ para ver como estavam as coisas. O Pedro tem posto as fotos destas duas semanas na sua conta de flickr.

No dia seguinte foi a vez de ir fazer a vacina do tétano. A enfermeira Paula tem um jeito tão grande para as picas que mal senti a agulha e não doeu nada. Para quem não gosta particularmente de agulhas é fabuloso.

Na quinta fomos ao parque para o Tiago poder correr à vontade. Levámos comida para um picnic, que teria corrido melhor se o Tiago não tivesse armado uma birra por o seu ovo de chocolate se ter partido. Aparentemente queria comê-lo mas mante-lo intacto simultaneamente. Go figure.

Na sexta seguinte era suposto ir fazer análises mas esqueci-me e quando me lembrei já era tarde e já tinha comido. Ficou para segunda. Como tenho de fazer a análise dos diabetes, que requer esperar uma hora para tirar sangue outra vez, é sempre preciso ir cedo. Mesmo assim foi por pouco: as análises são das 8 às 11, eu cheguei às 9 mas estava tanta gente que só fui atendida às 10 o que fez com que a segunda dose fosse mesmo já em cima da hora em que a enfermeira se costuma ir embora.

Na sexta fomos encomendar os sanitários e depois passámos na casa. O dia já tinha sido muito cansativo e fiquei extraordinariamente irritada quando vi que tinham colocado os azulejos da casa de banho na horizontal e não na vertical como tinha pedido. Tenho tentado enviar emails com todos os detalhes que acho relevantes porque o empreiteiro nem sempre atende o telefone e achava que era mais seguro ter as coisas por escrito para não haver esquecimentos, mas aparentemente não há forma de garantir que não corra qualquer coisa mal.

Sei que tive uma reação negativa um bocado exagerada por estar tão cansada e por isso resolvi não fazer nada até ao dia seguinte. Acordei um pouco mais calma e com a noção que seria um desperdicio de tempo e dinheiro obrigá-los a partir aquilo tudo outra vez e fazer de novo. Pelo menos as paredes estavam da cor certa e achei que seria um risco grande demais estar a irritar o empreiteiro por causa de uma ninharia quando o resto até está a correr bastante bem.

Fomos então encomendar os restantes sanitários no sábado. Na segunda, depois das análises, passei na casa para deixar uma cópia das notas de encomenda mas ainda preciso de falar com o Sr. Augusto para discutir a questão da recolha ou entrega dos materiais.

Ontem fomos encomendar os alectrodomésticos: placa, forno e exaustor. Também vamos querer mudar de micro-ondas e frigorífico, mas não nos podemos dar ao luxo de gastar dinheiro desnecessariamente em coisas que não são urgentes. Escolhemos tudo da Siemens e o mais cromo é o forno que tem limpeza pirolítica. Vamos ver se merece o custo extra.

O Tiago fartou-se de correr pela loja até estar todo suado e depois fomos comer um gelado antes de voltar para casa. O Tiago estava quase a dormir no carro mas em casa recusou-se a dormir, como tem sido costume ao longo de toda a semana.

Hoje estavamos convencidos que iamos novamente à praia mas o tempo voltou a piorar de repente. Estou cheia de dor de garganta, como é costume nestas mudanças climatéricas súbitas. Típico.

Deixe uma resposta