A pequena aranha

Desde que o Tiago nasceu que lhe canto algumas músicas infantis como forma de o entreter. Normalmente são em inglês, porque são as versões que conheço – não é que não conheça algumas músicas ‘infantis’ em Português mas recuso-me a cantar sobre coisas como tentar matar gatos à paulada e outros temas igualmente descabidos que são tão frequentes nas nossas músicas populares. Tinha noção que coisas como Twinkle twinkle little star e Itsy bitsy spider deviam ter versões em português mas não conhecia nem me tinha ainda dado ao trabalho de procurar.

Há algum tempo o Tiago começou a aprender essas versões em Português na escola e começou a resmungar quando eu cantava em inglês. Tentei então descobrir as versões que ele conhecia. O ‘Twinkle twinkle little star’ passou a ‘Brilha brilha lá no céu’ e é relativamente inofensiva, mas a letra da música da aranha é completamente descabida porque, para além de uma construção frásica estranha, com palavras que não encaixam no ritmo, consegue também não rimar em lado nenhum. Ora, um dos objectivos destas melodias simples é precisamente ensinar rimas aos miúdos e neste caso era tão simples que esta versão só me faz pensar em ‘2 macacos, cinco minutos’.

Pela construção frásica parece-me que esta versão é brasileira e foi adoptada pelos portuguese por mera questão de preguiça. Mas o facto de não fazer o mínimo esforço para rimar ou ter o número correcto de sílabas por frase irrita-me tanto que resolvi apresentar alternativas (que ando a tentar impingir ao meu filhote a ver se pegam).

Então vejamos, a letra mais comum em inglês é assim:

The itsy bitsy spider went up the water spout.
Down came the rain, and washed the spider out.
Out came the sun, and dried up all the rain,
and the itsy bitsy spider went up the spout again.

A letra que encontrei em português e que parece ser a geralmente utilizada é assim:

A dona aranha subiu pela parede
Veio a chuva forte e a derrubou
já passou a chuva e o sol já vai surgindo
e a dona aranha continua a subir

As minhas propostas são as seguintes:

Primeiro uma versão que altera o mínimo indispensável da versão já conhecida para facilitar a vida às crianças que já a decoraram:

A pequena aranha subiu a parede
Veio a chuva forte que a derrubou
Já passou a chuva e o sol chegou
A pequena aranha a subir voltou

E depois uma versão que permite rimar também a primeira frase, para não destoar das restantes e com uma terceira frase mais parecida com a versão inglesa:

A pequena aranha a parede trepou
veio a chuva forte que a derrubou
O sol chegou e a chuva secou
A pequena aranha novamente trepou

Uma vez que a terminação de cada frase é semelhante, isso permite juntar as diversas frases propostas como agradar mais a cada um até se chegar a uma versão final. Have fun.

E pronto. Sinto que cumpri o meu dever educacional do dia.

2 Comment

  1. Ultimamente tenho-me debruçado exactamente no mesmo, o quanto trágicas e melancólicas são as músicas infantis em português, é o gato que morreu, é o galo que nunca mais cantou, é lá no alto da serra morra quem
    morra quem não sabe amar… e por aí diante. Por tudo isto, tenho mostrado à minha filha músicas brasileiras que são muito mais alegres e com letras muito mais aliciantes. O problema é que ela vai crescendo, ouvindo os termos e provavelmente irá afectá-la a nível da linguagem.
    Essa letra da “Dona aranha” conheço apenas em brasileiro e nem sabia que existia uma versão portuguesa.
    Tenho reparado que os portugueses têm tido alguma preguiça em inventar músicas portuguesas, já que algumas delas são reproduções mal feitas, tal como diz no seu post de músicas brasileiras. Como é o caso do jipe do padre fez um furo no pneu e outras mais.
    É pena… Na minha infância haviam imensas músicas infantis, em português e nós éramos felizes na mesma 🙂 Recordo com saudade “As cantigas da minha escola” da Cândida Branca Flor.
    Peço desculpa pelo comentário tão grande 😐

  2. Já leio o teu blog há muito muitos anos mas é raro comentar.
    A esta não resisti porque há outra versão! E estupidamente ou não é de um brinquedo. este http://www.fisher-price.com/pt/infanttoys/product.asp?s=bulnl&id=37389 é um cão que canta uma série de musicas e lenga-lengas adaptadas dos originais em inglês. A da aranha é uma das nossas preferidas cá em casa e se a minha memória não me falha é qq coisa assim:
    A aranha tinha a teia tocando (?) foi subindo
    logo escorregou com a chuva a cair
    depois veio o sol e a chuva ele secou
    e a aranha tinha a teia e voltou logo a subir

    Este brinquedo é muito giro e os miudos gostam imenso, já foi da Di e agora é do Pedro 🙂

Deixe uma resposta