Embalar

O tempo que passo com a minha filha ao final do dia, a ler-lhe uma história, cantar para ela e a embalá-la antes de a deitar na cama dão-me uma felicidade e calma indescritíveis. Apesar do cansaço do dia, quando a vejo deitadinha nos meus braços, com aquele cheirinho a bebé acabadinho de sair do banho, com aquela confiança absoluta em mim e no facto de que ali está segura, como só uma criança pequena consegue ter, sei que vão ser estes pequenos momentos de que vou sentir saudades mais tarde.

Deixar uma resposta