Ferramentas e materiais para bijutaria em arame – parte 1

Introdução

A utilização de arame para fazer bijutaria é algo que pode ir do muito simples ao muito complexo

Há diversas técnicas que podem ser utilizadas individualmente ou em conjunto para criar peças únicas, interessantes e originais, desde o mais básico em que se utiliza apenas arame e alicates, sem recorrer a soldadura, mas que mesmo assim permite fazer peças bastante resistentes e complexas.

Para quem gostar posteriormente de aprender técnicas mais complexas, existem imensas ferramentas complementares para trabalhar metais como bigornas, serras, maçaricos, embutidores, laminadores, máquinas de polir e outras ferramentas utilizadas no trabalho de metal mais tradicional e na joalharia.

Materiais e ferramentas básicos

A vantagem da bijutaria em arame é precisamente o facto de não necessitar de uma vasta gama de ferramentas para começar. No fundo, assim que tivermos um bocado de arame e dois ou três alicates, podemos começar a fazer as nossas primeiras peças. Os elementos mais básicos da bijutaria não requerem muito mais do que isso.

No entanto, o primeiro passo na aprendizagem de qualquer técnica é conhecer bem os materiais e ferramentas mais adequados ao trabalho que queremos realizar e a forma correcta de os usar.

Vamos então conhecer os nossos materiais com mais pormenor.

Arame ou fio

O arame utilizado em ourivesaria e joalharia é de prata ou ouro e chama-se fio. Na bijutaria podemos incorporar também outros materiais como o cobre, aço, alumínio, latão e bronze, que nos permitem jogar com diferentes tons de metal e efectuar peças muito interessantes. Convém porém ter algum cuidado com as ligas que contém níquel, uma vez que muitas pessoas são alérgicas a este metal.

O fio de prata ou ouro, por ser de metal precioso, necessita de cuidados especiais para evitar desperdício. Geralmente trabalha-se sobre uma gaveta aberta de forma a recolher as limalhas e pontas cortadas que podem mais tarde ser fundidos e reaproveitados.

A gaveta também serve para evitar que peças pequenas ou ferramentas que caiam não vão parar ao chão. Pode parecer desnecessário de início mas depois de passarmos meia hora de joelhos no chão à procura de uma pedra de 3mm percebemos que poupa imenso tempo e esforço.

Para começar e para fazer um primeiro protótipo de uma peça é costume começar-se com o cobre. Em termos de maleabilidade o arame de cobre é semelhante à prata e tem um custo mais baixo, o que é importante quando ainda estamos a treinar.

Também existe arame de cobre colorido ou com banho de prata ou ouro. É uma opção mais económica para peças que são para usar uma só estação mas não aconselhável para peças que se querem duradouras uma vez que a camada de cor ou metal precioso vai saindo com o uso, deixando o cobre de base à mostra.


 

Uma variante intermédia, muito usada em substituição de o fio de ouro tradicional é o gold filled. Consiste num núcleo de latão coberto com uma camada de ouro de 14 quilates. Ao contrário do banho de ouro, a camada de metal precioso do arame gold filled é bastante espessa e permite limar e martelar o fio sem risco de se ver o núcleo. É mais económico do que o fio de ouro comum mas contém uma quantidade de ouro suficiente para permitir peças mais duradouras do que o arame com banho de ouro. A limitação do fio gold filled está na soldadura. Para soldar é necessário fio de ouro tradicional.

arameNa foto do lado podemos ver diversos tipos de arame para bijutaria.

À direita vemos dois rolos de cabo de aço flexível. Ao contrário do arame, o cabo de aço não pode ser dobrado e enrolado com o auxilio de alicates. Apesar de ser metálico, é um material flexível que não mantém a forma.

No post seguinte vou falar sobre os alicates.

Para informação sobre as várias espessuras de arame, para que servem, e a conversão de gauge para mm, consulte este post.

Para mais informações sobre arame e trabalho com metais, consulte este post.

Parte 2 deste tutorial: alicates.

Parte 3 deste tutorial: outras ferramentas.

2 Comment

  1. Oii, onde eu poderia encontrar esses arames?? Obrigadi

    1. Quais deles? Fio de parata e ouro vende-se em lojas específicas de materiais e ferramentas para ourivesaria e joalharia.
      Cobre e aço costuma haver em lojas de ferragens e arame colorido há por vezes em lojas que vendem as contas e outros materiais para bijutaria.
      Também pode procurar online.

Deixe uma resposta