Versátil

O mês passado comprei um vestido da Pepe Jeans (modelo emmeline) porque gostei do padrão do tecido, todo aos quadradinhos coloridos. Achei que ficava lindamente como saia (lá porque o designer diz que é um vestido não quer dizer que eu tenha de obedecer) e combina perfeitamente com as sandálias D&G que comprei há dois anos.

Para além da versatilidade de ter uma peça que funciona como duas (saia ou vestido) esta foi uma compra muito versátil porque também serviu de inspiração para o site que ando a fazer.

É claro que a maquete inicial vai para o lixo, como é costume, mas pelo menos deu-me gozo a fazer.

Ultimamente tenho trabalhado para outra empresa, apenas como designer, sem ter de lidar directamente com o cliente final (continuo a ter os clientes da Nitro de sempre mas a parte de lidar com novos clientes, ir às reuniões, etc nunca foi a minha parte favorita do trabalho).

O mais interessante em relação a este método é que, para além de me poder concentrar mais naquilo que gosto de fazer, que são as maquetes e o html, descobri que não me irrito tanto quando é preciso fazer alterações ou várias versões da mesma coisa porque os clientes não se conseguem decidir. Só o facto de não ter de ser eu a apresentar e defender o trabalho permite-me fazer todas as alterações que forem necessárias sem deixar que isso me estrague o dia.

É bom saber que há sempre formas de retirar algum do stress do dia a dia para poder divertir-me novamente com o meu trabalho e conseguir encontrar inspiração em sítios menos óbvios. Já não fazia isso há muito tempo.

Leave a Reply